Artigo

Temas

Sem tema

Compartilhe

A indústria de eletroeletrônicos representa 4,3% do PIB brasileiro, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica – ABINEE. Dentro deste cenário, muitos produtos são descartados de maneira incorreta e carregados de componentes tóxicos. Este problema é intensificado pelo relativo curto ciclo de vida dos eletroeletrônicos, que chegam à obsolescência mais rapidamente devido à introdução de novas tecnologias ou à indisponibilidade de peças de reposição. Após o fim de sua vida útil, esses produtos passam a ser considerados, segundo lei vigente, de Resíduos de Equipamentos Eletroeletrônicos (REEE).

A Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras – CERTI é uma instituição privada e independente que se dedica ao desenvolvimento de produtos e soluções tecnológicas inovadoras para o mercado brasileiro.

Artigos Relacionados